PARQUE NACIONAL – o que é ? qual sua importância para a biodiversidade do planeta

PARQUE NACIONAL – qual sua importância para o planeta e futuras gerações ?

DSC_4980 Eduíno de Mattos PARQUE DO TURVO, SALTO DO YUCUMÃ Março 2014 - Cópia

Foto: Eduíno de Mattos – Salto do Yucumã Março 2014, Parque Nacional do Turvo RS Brasil.

O desenvolvimento das sociedades humanas sempre impacta o meio ambiente. Com o objetivo de preservar de grandes áreas naturais, sua fauna e flora, surgem, no final do século XIX, os primeiros Parques Nacionais: áreas naturais, administradas direta ou indiretamente pelo Estado, destinadas à conservação de seus aspectos naturais e culturais para a posteridade e como símbolo representativo de uma nação.

Embora ideias para este tipo de área protegida já existissem, coube aos Estados Unidos criarem em 1872 o primeiro, o Parque Nacional de Yellowstone. No Brasil, quem inaugurou a categoria foi o Parque Nacional de Itatiaia, criado em 1937.

A União Internacional para Conservação da Natureza (IUCN), através de sua Comissão Mundial de Áreas Protegidas, definiu Parque Nacional, como tipo de área protegida da Categoria II, definida por: “área natural extensa de terra ou mar de grande relevância para a conservação da natureza e da biodiversidade, destinada a: (1) proteger a integridade ecológica de um ou mais ecossistemas para as gerações presentes e futuras; (2) excluir a exploração ou ocupação não ligadas à proteção da área; e (3) prover as bases para que os visitantes possam fazer uso educacional, lúdico, ou científico de forma compatível com a conservação da natureza e dos bens culturais existentes”.

A classificação da IUCN define as áreas protegidas de acordo com os seus objetivos de gestão, que são reconhecidos internacionalmente por vários governos nacionais e pela ONU. Essa divisão fornece um padrão interternacional para a definição de áreas protegidas e serve como base para legislações nacionais, inclusive a brasileira, a Lei 9.985 de 2000 conhecida como Lei do SNUC (Sistema Nacional de Unidade de Conservação).

No Brasil, os Parques Nacionais são a mais popular e antiga categoria de Unidade de Conservação. O SNUC inclui o Parque Nacional no grupo de Unidades de Conservação de Proteção Integral. Segundo a legislação brasileira, estas devem “preservar ecossistemas de grande relevância ecológica e beleza cênica, possibilitando a realização de pesquisas científicas, realização de atividades educacionais e de interpretação ambiental, recreação e turismo ecológico, por meio do contato com a natureza”. Por isso, Parques Nacionais fechados ao público são incompatíveis com os objetivos ditados pelo SNUC.

Os Parques Nacionais, assim como outras unidades de conservação federal, são geridos pelo ICMBIO – Instituto Chico Mendes de Conservação da Biodiversidade.

Em geral, quando os Parques estão fechados ao público é porque ainda não completaram os seus Planos de Manejo, documento que detalha os limites de utilização e visitação de cada parque, baseado nos riscos que correm sua fauna e flora.

Atualmente, o Brasil tem 69 Parques Nacionais. Você pode conferir todos eles no WikiParques, a enciclopédia interativa sobre áreas protegidas, criada pelo ((o))eco.

 

Colaboração O ECO 25 Abril 2014

 

Eduíno de Mattos

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: